Rihanna fala de inclusão, ações sociais e sobre aceitar que virou bilionária – 30/09/2021 – Celebridades


Los Angeles


The New York Times

O evento “Savage x Fenty Show Vol. 3” mostra a superestrela Rihanna, 33, e diversas de suas amigas muito bonitas em peças ousadas e rendadas da nova coleção de sua linha de lingerie.

A mistura extravagante de show e desfile de moda, gravada algumas semanas atrás no Westin Bonaventure Hotel, em Los Angeles, foi disponibilizada pela Amazon Prime Video no último dia 24.

O elenco do evento este ano contou com as modelos Alek Wek e Gigi Hadid; o cantor Troye Sivan; a drag queen e dançarina Leiomy Maldonado; e a cantora Erykah Badu, entre outros. Nas, Jazmine Sullivan, Normani e alguns outros convidados se apresentaram de surpresa.

Rihanna disse que seu compromisso era continuar priorizando a inclusão em sua nova linha. “Amo pessoas confiantes, pessoas que desejam representar seu espaço neste mundo”, disse Rihanna em entrevista. Ela usava um agasalho verde limão com capuz e lantejoulas e uma minissaia que deixava entrever sua tanga cor-de-rosa. “É disso que o evento trata: representação”.

Rihanna também quer que os homens possam se ver em sua coleção de lingerie. E não só os tipos atléticos com abdomes musculosos, mas homens de todas as formas, raças e tamanhos. Ela acrescentou que em sua opinião os homens são muitas vezes desconsiderados em termos de inclusão e que deseja mudar isso.

No começo do mês, ela passou dias no Westin ensaiando para a gravação e editando o material, e usando –o que mais?– lingerie. As peças de que ela mais gosta na coleção são um corpete, um “bodysuit” e um “teddy”.

“Depende do dia, é claro, mas um corpete sempre é bom por motivos óbvios. Snap, snap, snap”, ela disse, reproduzindo o ruído dos botões sendo desabotoados. “Já um ‘teddy’ é mais para o flerte –divertido e fácil de tirar”.

O rapper ASAP Rocky, que a acompanhou ao Met Gala deste ano, gosta das mesmas peças da coleção? “Isso não é da sua conta”, Rihanna respondeu.

Como muitos de nós, ela passou boa parte do ano passado presa em casa, mas seu patrimônio líquido disparou para US$ 1,7 bilhão (R$ 9 bilhões) de acordo com uma estimativa da revista Forbes. Além da linha Savage x Fenti de lingerie, seu império inclui também uma linha de produtos de pele, Fenty Skin, e a linha de maquiagem Fenty Beauty.

Mas, antes que qualquer fã de Rihanna pergunte: Sim, ela está trabalhando em novas canções, e não, não sabe quando vai lançá-las. “Você não vai nem fazer ideia do que esperar”, ela disse.

Rihanna deseja usar sua fortuna para beneficiar a Clara Lionel Foundation (CLF), que ela criou e leva o nome de seus avós, Clara e Lionel Braitwaithe. A organização oferece recursos para assistência de emergência em caso de desastres naturais causados pela mudança no clima e mantém iniciativas educativas em comunidade marginalizadas.

“Eu gostaria de poder doar cada dólar que ganho”, disse Rihanna. “Quando se trata de pessoas que precisam de ajuda, me magoa não poder fazer tudo que eu gostaria e por isso agora estamos redobrando nossos esforços e a CLF vai crescer de uma maneira que me deixará muito orgulhosa”.

O novo status dela como bilionária é algo que jamais foi um objetivo para Rihanna, e ela ainda não se sente confortável a respeito, disse.

“É complicado, é difícil aceitar onde estou, porque eu sei de onde vim”, disse Rihanna, nascida e criada em Barbados. “Ao mesmo tempo, fico feliz por inspirar as meninas e os meninos que, como eu, vem de origens humildes, que são filhos de pais imigrantes ou que são eles mesmos imigrantes, e levá-los a acreditar que podem fazer o mesmo que fiz”.

Traduzido originalmente do inglês por Paulo Migliacci

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »