Visita do Papa João Paulo II a Natal completa 30 anos | Rio Grande do Norte

amazon celulares maior Vision Art NEWS


Há exatos 30 anos, no fim da tarde do dia dia 12 de outubro de 1991, o papa João Paulo II pisava em solo potiguar para encerrar o Congresso Eucarístico Nacional, que naquele ano acontecia em Natal. Foi a primeira e única vez que o líder mundial da Igreja Católica passou pelo Rio Grande do Norte.

Para celebrar a data, a Arquidiocese de Natal, vai promover nesta quarta-feira (13) uma exposição e celebrar uma missa em ação de graças na Catedral Metropolitana.

A exposição “Memórias do 12º Congresso Eucarístico Nacional” contará com souvenirs, vídeos e fotografias do congresso e objetos usados por João Paulo II durante a visita a Natal.

A exposição acontecerá no Centro Administrativo e Pastoral Pio X (subsolo da Catedral) e será aberta à visitação do público, das 9h às 17 h. A abertura será feita pelo arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha.

Já a missa em ação de graças será celebrada às 19h na Catedral Metropolitana, também presidida por Dom Jaime e concelebrada por padres da Arquidiocese. Para a celebração, também são convidadas pessoas que trabalharam no congresso.

Também haverá a abertura da fase diocesana do Sínodo dos Bispos 2023, convocado pelo Papa Francisco. No dia seguinte, 14 de outubro, nas paróquias, será realizada a Hora Santa Eucarística.

Em 1991, o Congresso Eucarístico Nacional foi sediado em Natal entre os dias 6 e 13 de outubro. O encerramento do encontro, que reuniu milhares de fiéis, foi realizado pelo papa João Paulo II, que fazia a sua segunda visita ao Brasil – a primeira a Natal.

A santidade chamou atenção pelo carisma e simplicidade. Logo na chegada, ao descer do avião, o papa beijou o solo potiguar no Aeroporto Augusto Severo, em Parnamirim, na Grande Natal.

A maior autoridade da Igreja Católica ficou hospedada no quarto 101, sem qualquer luxo, na Casa de Treinamento da Arquidiocese de Natal, no bairro de Ponta Negra. O quarto segue preservado, com um quadro com a foto do líder religioso e outra da padroeira da Polônia, terra natal dele.

A aposentada Luzia de Freitas cuidava do espaço onde o papa se hospedou. Quando soube que ele ficaria ali, duvidou que daria certo.

“Fiquei feliz, mas ao mesmo tempo preocupada. Eu achava que não tinha condições de receber o papa. Mas a comitiva dele disse que esse seria sim o melhor local. Até hoje eu sinto que a vinda do papa naquela época foi uma graça de Deus”, conta.

Quarto em que o papa ficou em Natal — Foto: Reprodução/InterTV Cabugi

“Eu não acreditava que ia ver o papa. Ele botou a mão na minha cabeça. Isso foi uma emoção pra mim. Nunca pensei que alguém em que toquei seria hoje um santo”, relatou.

O papa fez questão de plantar um pau-brasil no local para deixar sua marca na cidade.

No próprio dia 12, em que chegou, ele presidiu, à noite, a Eucaristia no Papódromo. No mesmo local, no dia seguinte, às 9h , aconteceu o encerramento do congresso, com a missa presidida pelo Papa.

Dona Luzia de Freitas no quarto onde o papa João Paulo II dormiu em Natal. — Foto: Ayrton Freire/Inter TV Cabugi

Ele ainda se reuniu com bispos e padres e deu a bênção da Capela do Santíssimo Sacramento, localizada no Centro Pastoral Pio X – subsolo da Catedral Metropolitana. No início da noite do dia 13, o Papa embarcou para São Luís (MA).

“Ficamos emocionados. Como é que o papa vai se deslocar para encerrar um congresso nacional numa capital do Nordeste? Uma capital pequena. Mas ele desejou vir”, conta o monsenhor Lucas Batista Neto, que guarda, entre as lembranças, a foto de um aperto de mão com o papa.

Monsenhor Lucas Batista Neto cumprimenta o papa João Paulo II durante visita do pontífice a Natal — Foto: Arquivo pessoal

Congresso Eucarístico Nacional

O tema do congresso foi: “Eucaristia e Evangelização”. E o lema: “A palavra se fez carne”. Durante todo o ano, a Arquidiocese se preparou para o evento. A imprensa potiguar desde o início do ano divulgava cada novidade, como programação, inscrições e infraestrutura, na preparação para o congresso e para a visita do Papa.

O congresso e a visita do Papa trouxeram para Natal milhares de pessoas, de todo o Brasil e de outros países, entre autoridades eclesiásticas, leigos engajados e jornalistas.

Papa João Paulo II plantando o pau-brasil em 1991 — Foto: Reprodução/InterTV Cabugi

A abertura do evento aconteceu no dia 6 de outubro com missa uma presidida pelo então Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Eugênio de Araújo Sales, na Praça do Congresso (o Papódromo), no Centro Administrativo do Estado, no bairro de Lagoa Nova.

O espaço onde ocorreu a celebração foi construído em 1991 para a visita do Papa e é conhecido como Papódromo até os dias atuais. Recentemente, ele foi revitalizado.

Os demais dias foram dedicados às crianças, família, catequistas, ministros ordenados e trabalhadores. As celebrações foram todas presididas por bispos conhecidos do Brasil.

A autoria do hino do congresso naquele ano também foi de um membro do clero natalense: padre José Freitas Campos.

Árvore pau-brasil plantada pelo papa João Paulo II durante sua passagem por Natal, em 1991. — Foto: Cleildo Azevedo/Inter TV Cabugi

Vídeos mais assistidos do g1 RN

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

amazon computadores Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »
%d blogueiros gostam disto: