Medicina e Saúde

Vacina pode ser o próximo grande avanço no tratamento do câncer

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


Pesquisadores passaram décadas procurando uma vacina para o câncer sem sucesso. Agora, eles estão realmente próximos de encontrá-la. Um estudo revelou que cientistas chegaram a um ponto crítico na pesquisa de um imunizante, que pode não prevenir a doença, mas reduz um tumor ou impede que ele retorne. A estimativa é que as doses cheguem em cinco anos.

Leia mais:

Vacina para o câncer

As vacinas para o câncer não são como as tradicionais: não irão prevenir a doença de surgir, mas querem diminuir os tumores e impedir que retornem.

Por enquanto, os tratamentos são experimentais em pacientes com câncer de mama e pulmão. Resultados positivos já foram registrados em pessoas com câncer de pele, melanoma e câncer pancreático.

Segundo Dr. James Gulley, um dos líderes do centro do Instituto Nacional do Câncer nos Estados Unidos, a vacina funciona, mas eles estão tentando fazê-la funcionar melhor.

cancer em homem Vision Art NEWS
Vacina será aliada junto a outros tipos de tratamentos (Imagem: Frame Stock Footage/Shutterstock)

Como a vacina funciona?

  • Os cientistas já sabem como o câncer funciona no corpo humano e no sistema imunológico, o que foi fundamental para o desenvolvimento de outras formas de tratamento.
  • No caso da vacina em especial, o tratamento estimula o sistema imunológico a encontrar as células cancerígenas e matá-las.
  • Para isso, o imunizante deve ensinar as células T, que combatem essas células cancerígenas, a enxergarem o câncer como algo perigoso. Assim, elas podem identificá-las e combatê-las.

Testes e contratempos

Para desenvolver a vacina, os testes em pacientes voluntários são fundamentais e estão sendo realizados.

O progresso nas vacinas de tratamento tem sido um desafio. A pesquisa de imunizantes precoces estagnava quando os pacientes já estavam com o sistema imunológico muito comprometido, segundo Olja Finn, da Escola de Medicina da Universidade de Pittsburgh.

“Todos esses testes que falharam nos permitiram aprender muito”, disse Finn.

Paciente com câncer
Agora, pesquisadores estão focando em pacientes com um quadro precoce (Imagem: Ground Picture / Shutterstock)

Futuro da vacina contra o câncer

  • Finn, então, passou a focar os testes em pessoas com um quadro precoce, que ainda não estão com a saúde debilitada.
  • Ela e seu grupo planejam uma vacina para mulheres com câncer de mama não invasivo e de baixo risco.
  • Já outra médica, a Dra. Susan Domchek, diretora do Centro Basser da Penn Medicine, está realizando testes em pessoas com mutações BRCA. Esses indivíduos não têm a doença, mas a mutação aumenta o risco do câncer de mama e ovário, e a intenção é matar as células anormais antes que elas possam agir.
  • As empresas farmacêuticas Moderna e Merck também estão desenvolvendo vacinas para pacientes com melanoma, que serão personalizadas para cada paciente de acordo com as mutações do quadro.
  • Outras já estão procurando formas de funcionar de forma generalizada, para que sejam mais baratas e rápidas de serem produzidas.

Com informações de Medical Xpress

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEPTAR
Aviso de cookies
Translate »