SP segue vacinando adolescentes e aplica 3ª dose em idosos – Notícias





A cidade de São Paulo continua vacinando adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades nesta sexta-feira (1). Os idosos com mais de 70 anos e os imunossuprimidos, que são pacientes que têm HIV ou pessoas que passaram por algum transplante, também podem procurar as unidades de saúde para receber a dose de reforço.


Na última sexta-feira (24), a prefeitura anunciou a redução do intervalo entre as doses da Pfizer de 12 para oito semanas. Dessa forma, os moradores que tomaram a vacina desse fabricante há oito semanas já podem receber a segunda dose.





O intervalo para a segunda dose está mantido em 12 semanas para a AstraZeneca e em 28 dias para a CoronaVac. A medida respeita a orientação dos programas nacional e estadual de imunizações.


Nos adolescentes, é aplicado exclusivamente o imunizante da Pfizer, o único autorizado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para pessoas com menos de 18 anos. O jovem deve estar acompanhado dos pais ou de um responsável.


Os idosos com mais de 70 anos só podem receber a dose de reforço após ao menos seis meses da data em que receberam a segunda dose ou a vacina de dose única.


Já os imunossuprimidos podem receber a terceira dose do imunizante se tiverem completado o esquema vacinal há pelo menos 28 dias.



Postos de vacinação



A primeira dose, a segunda e a adicional são oferecidas das 8h às 17h nos megapostos, drive-thrus e farmácias parceiras e das 7h às 19h em UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e AMAs/UBSs Integradas.







Filômetro e pré-cadastro




O site De Olho na Fila ajuda a evitar aglomerações ao exibir a movimentação de pessoas nas unidades. A ferramenta também informa quais vacinas estão disponíveis para aplicação da segunda dose.


Além disso, fazer o preenchimento do pré-cadastro no site Vacina Já agiliza o tempo de atendimento no posto de vacinação.



Mutirão para a aplicação da segunda dose em todo o estado de SP no sábado (2)



O estado de São Paulo irá realizar um mutirão neste sábado (2) para vacinar pessoas que ainda não tomaram a segunda dose dos imunizantes contra a covid-19. O anúncio foi feito pelo governador João Doria (PSDB) durante uma coletiva nesta quarta-feira (29).


De acordo com o governo, mais de cinco mil postos, nos 645 municípios do estado, ficarão abertos, das 7h às 19h, para atender todos que precisem completar seu esquema vacinal



Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »