Procura por plástica subiu 50% com melhora da pandemia, diz médico – Lifestyle

amazon celulares maior Vision Art NEWS



A melhora da pandemia de Covid-19, graças ao avanço da vacinação, causou um aumento de 50% na busca pela realização de cirurgias plásticas, de acordo com o cirurgião plástico Marcelo Mariottini. Ele faz essa afirmação com base na observação do dia a dia em seu consultório e destaca que a escalada aconteceu nos últimos quatro meses.


“Nesse período de pandemia, o pessoal mudou hábitos alimentares, principalmente por causa da ansiedade e depressão, e ganhou peso. Com a volta da rotina, especialmente o trabalho presencial e a ida a lugares onde o corpo fica mais exposto, como praias e clubes, eles começam a querer melhorar sua forma física e se sentem mais seguros para buscar os procedimentos agora que o cenário pandêmico melhorou”, afirma o especialista.


Na opinião dele, as pessoas optam pelo caminho da intervenção estética em vez da prática de exercícios aliada à reeducação alimentar por causa da pressa para conquistar a mudança desejada.


“Elas buscam o caminho mais rápido, pois são mais imediatistas, querem a mudança do corpo igual buscam uma resposta na internet, não têm mais paciência de fazer dieta e atividade física”, analisa.


Veja também: Moda e alarmismo aumentaram a retirada de silicone, dizem médicos


As mais buscadas são no abdome e nos seios


Segundo ele, as três cirurgias plásticas mais procuradas são a mamoplastia, a lipoaspiração e a lipoabdominoplastia – associação da lipo com a abdominoplastia, por isso, além de remover a gordura localizada de regiões específicas do corpo, também acaba com o excesso de pele e flacidez na barriga. “São cirurgias que promovem o contorno corporal”, resume Mariottini.


O especialista destaca ainda a alta demanda pela lipoaspiração HD – iniciais de high definition (alta definição, em tradução livre do inglês) -, também chamada de lipo LAD. Como o próprio nome sugere, esse tipo de lipoaspiração deixa o corpo ainda mais delineado.


“Na lipo normal, o contorno [do corpo] é bidimensional, a gente deixava a espessura do corpo homogênea. Já na lipo 3D, fazemos a distribuição acentuando as marcações musculares”, explica o médico. Ele alerta que esse tipo de procedimento não pode ser feito por qualquer pessoa. “É só para quem já malha, mas não consegue uma definição [corporal]”, especifica.


A faixa etária das mulheres que buscam pelos procedimentos de contorno corporal está entre os 20 e os 50 anos. Enquanto a mamoplastia tem maior adesão entre mulheres jovens, de 20 a 30 anos, ainda conforme Mariottini.


Veja também: Como erro em harmonização facial deformou o rosto de Liziane?


Intervenções estéticas no rosto


O especialista também reconhece o aumento da demanda por intervenções estéticas no rosto, como a aclamada harmonização facial, mas faz a ressalva de que não necessariamente essa mudança é percebida nos consultórios médicos, pois cirurgiões-dentistas também têm permissão para realizar o procedimento.


“A gente [médicos] tem feito enxerto de gordura na face, que é um procedimento cirúrgico. Em vez de usar o ácido hialurônico [da harmonização facial], a gente usa a gordura, então não tem risco de reação”, detalha.


Na perspectiva dele, o isolamento social imposto pela pandemia – e a consequente realização de encontros e reuniões virtuais, que deixam o rosto no foco das atenções – influenciou, principalmente, no aumento da procura pela blefaroplastia: cirurgia plástica que serve para retirar o excesso de pele das pálpebras, a fim de deixar os olhos mais expostos e reduzir a aparência de cansaço.


Veja também: ‘Receita de bolo gera aberrações’: os riscos da harmonização facial


Antes da plástica, vacine-se


Para quem está pensando em fazer uma cirurgia plástica no momento atual, Mariottini tem dois conselhos importantes: procurar um profissional qualificado e estar com o esquema de vacinação completo. “É preciso aguardar um mês após a vacinação e fazer 15 dias de isolamento antes e depois de realizar o procedimento estético”, orienta.


Além disso, o profissional enfatiza a necessidade de respeitar todas as recomendações em relação ao pós-operatório. “Às vezes, a pessoa pensa que por ser uma cirurgia plástica, ela pode ficar mais relaxada, mas não. É uma cirurgia como qualquer outra, então, pode haver complicações”, conclui.


Veja também: Famosos surpreendem por mudar o rosto, como fez Rico Melquiades:


Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

amazon computadores Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »
%d blogueiros gostam disto: