Picape RAM 3500 chega ao Brasil por até R$ 530 mil – 27/03/2022 – Eduardo Sodré

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


A queda nas vendas de veículos no primeiro bimestre é menos sentida no segmento de picapes médias e grandes.

Os modelos com tamanho superior a cinco metros e tração predominantemente traseira somaram 15,3 mil unidades emplacadas no primeiro bimestre, o que representa uma diminuição de 9,2% na comparação com o mesmo período de 2021.

Enquanto isso, as vendas de carros de passeio caíram 26,7% no mesmo intervalo. Os dados são da Fenabrave (associação dos distribuidores de automóveis, motos, ônibus e caminhões).

Os números e a maior rentabilidade explicam a série de lançamentos no segmento de picapes, e o produto mais recente é a RAM 3500, importada do México pelo grupo Stellantis.

Basta olhar para sua grade cromada para concluir que se trata de um modelo fiel ao gosto americano. Nos EUA, essa família de utilitários teve 569,4 mil unidades vendidas no ano passado.

O público-alvo está no campo. É o agronegócio que impulsiona as vendas do segmento em que a RAM ocupa o topo no Brasil, e seus preços confirmam o posto: entre R$ 485 mil e R$ 530 mil.

A principal diferença está na capacidade de carga. A opção 3500 pode transportar 1.782 quilos, que representam 664 quilos a mais que a versão 2500 (R$ 461 mil). É, de fato, um pequeno caminhão, que exige do motorista a carteira de habilitação da categoria C.

O motor Cummins 6.7 turbodiesel tem 377 cv de potência e 117 kgfm de torque. A capacidade de reboque é de nove toneladas, suficiente para puxar um trailer grande ou uma lancha de médio porte. A tração é 4×4 e o câmbio automático tem seis marchas.

Por dentro há couro e detalhes em madeira. O sistema de som, que pode ter 17 alto-falantes, é acionado por meio de uma tela de 12 polegadas. A cabine acomoda cinco ocupantes com folga, e quem viaja atrás consegue cruzar as pernas sem encostar nos bancos dianteiros.

Com 6,06 metros de comprimento e 2,12 metros de largura, a RAM 3500 não foi feita para metrópoles. É carro para o Brasil profundo, onde é sonho de consumo e sinal de status.

Seu sucesso e rentabilidade fazem as concorrentes Ford e Chevrolet planejarem trazer ao Brasil a F-150 e a Silverado –que são, respectivamente, o primeiro e o terceiro veículos mais vendidos dos EUA. No meio dessas duas picapes está a RAM, que fechou 2021 na segunda posição.


LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEPTAR
Aviso de cookies
Translate »