Pegula vai às quartas do WTA 1000 de Madri sem sustos e Raducanu é surpreendida – Esportes

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


Jéssica Pegula foi a única cabeça de chave do WTA 1000 de Madri a vencer nesta terça-feira. A americana avançou às quartas de final com vitória tranquila sobre a canadense Bianca Andreescu. Já Emma Raducanu e Elena Rybakina acabaram surpreendidas e eliminadas nas oitavas de final.

Pegula ganhou por 7/5 e 6/1 e terá pela frente a única espanhola sobrevivente no torneio, Sorribes Tormo. A atleta da casa levou a melhor sobre a russa Daria Kasatkina em um jogo marcado pelas quebras de serviços: foram 18, nove para cada lado. Tormo festejou o triunfo com 6/4, 1/6 e 6/3.

O confronto com Pegula está marcado para esta quarta-feira. A americana, cabeça de chave 12, sabe que não terá moleza diante de uma rival que dnão desiste de uma bola. “Você só tem que esperar que todas as bolas voltem. O que ela faz tão bem é jogar todos os pontos duros, não importa o placar. Você só espera isso e faz o seu melhor para fazer a mesma coisa”, diz. “Apenas manter o foco, acertar sua estratégia e não ficar frustrado é provavelmente o mais importante, mas se torna mais fácil falar do que fazer.”

Sobre o jogo contra Andreescu, ela não escondeu um temor após um primeiro set de muitos erros. “Eu senti que o primeiro set foi super estranho. Ninguém queria assumir o controle com todas as chances. Três para 17 em pontos de quebra é uma estatística insana, que tem que ser um recorde. Então isso foi interessante. Mas eu estava mentalmente capaz de ficar e vencer o set. Mas foi estranho, acho que nós duas estávamos super no limite.”

O jogo teve 35 tie-breakers e a americana foi melhor, aproveitando para alcançar seis quebras, diante de três da oponente. Depois de fazer 7 a 5 no primeiro set, ela não encontrou resistência e fechou a segunda parcial em 6/1.

Já Raducanu, cabeça de chave 9, sofreu uma dura derrota diante da ucraniana Anhelina Kalinina. Depois de perder o primeiro set por 6/2, ela empatou o jogo com novo 6/2 e tinha 4 a 3 no terceiro set quando viu seu jogo desaparecer. Foram três games seguidos da rival e triunfo por 2 a 1 com 6/4 no set decisivo.

A ucraniana enfrentará a canadense Jil Teichmann nas quartas. A tenista não tomou conhecimento de Rybakina, do Casaquistão e 16ª cabeça em Madri, ganhando por fáceis 6/3 e 6/1.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »