Papel eletrnico mostra cores brilhantes sem precisar de fontes de luz


Informtica

Redação do Site Inovação Tecnológica – 13/07/2021

Papel eletr

Considerando que no usa uma fonte prpria de luz, a tela reflexiva mostra cores com alta qualidade.
[Imagem: Marika Gugole/Chalmers University of Technology]

Telas reflexivas

Imagine sentar-se ao Sol, lendo uma tela digital fina como papel, mas vendo a mesma qualidade de imagem que veria se voc estivesse em um ambiente fechado.

Esta a proposta de Marika Gugole e colegas da Universidade Chalmers, na Sucia.

Eles criaram um novo tipo de tela reflexiva – mais conhecida como papel eletrnico – que, pela primeira vez, mostra cores que quase se poderia chamar de “vvidas”.

Ao contrrio das telas tradicionais, que precisam de uma fonte de iluminao, como LEDs ou OLEDs, as telas reflexivas usam a luz ambiente, o que reduz drasticamente seu consumo de energia, alm de serem menos cansativas para os olhos.

A mesma equipe j havia criado um prottipo de papel eletrnico capaz de mostrar todas as cores que uma tela comum de LED, mas as cores no eram boas o suficiente para garantir um lugar no mercado.

Papel eletr

Os timos resultados foram obtidos simplesmente invertendo o projeto original do papel eletrnico.
[Imagem: Marika Gugole et al. – 10.1021/acs.nanolett.1c00904]

Tela ao avesso

Usando um material poroso e nanoestruturado que a prpria equipe j havia testado antes – trixido de tungstnio, ouro e platina – Gugole tentou uma nova ttica, invertendo o projeto de forma a permitir que as cores aparecessem com muito mais preciso na tela.

A inverso consistiu em colocar o componente que torna o material eletricamente condutor por baixo da nanoestrutura pixelizada que reproduz as cores – em vez de acima dela, como nos prottipos anteriores. Este novo design significa que voc olha diretamente para a superfcie pixelizada, portanto, v as cores com mais clareza.

A tecnologia baseada na capacidade do material de regular como a luz absorvida e refletida. Neste caso, o trixido de tungstnio o material principal, escolhido depois de diversos testes com polmeros. O material que cobre a superfcie conduz sinais eletrnicos por toda a tela e pode ento ser configurado para criar imagens de alta resoluo.

O uso de ouro e platina, porm, no uma boa notcia em termos de custos, ainda que o consumo seja mnimo por se tratar de uma tela extremamente fina. Mas a equipe afirma que tem esperanas de conseguir reduzir significativamente as quantidades necessrias dos dois metais nobres para viabilizar economicamente a produo das telas.

Bibliografia:

Artigo: Electrochromic Inorganic Nanostructures with High Chromaticity and Superior Brightness
Autores: Marika Gugole, Oliver Olsson, Stefano Rossi, Magnus P. Jonsson, Andreas Dahlin
Revista: Nano Letters
Vol.: 21, 10, 4343-4350
DOI: 10.1021/acs.nanolett.1c00904

Seguir Site Inovação Tecnológica no Google Notícias

Outras notcias sobre:

Mais tópicos

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original



Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »