Nvidia lança versão gratuita da Omniverse e busca Metaverso

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


A Nvidia vê a Omniserve como uma forma de fazer o metaverso acontecer. A companhia anunciou na coletiva de imprensa da CES 2022 que o software agora saiu da versão beta e é um serviço gratuito para pessoas que tenham PC com placas de vídeo Nvidia GeForce RTX.

Quando o assunto é realidade virtual (VR), realidade aumentada (AR), comunidades virtuais e o futuro de gráficos 3D, o metaverso é o tópico mais discutido atualmente. E quando o metaverso é proposto, em geral ele promete uma interoperabilidade universal com outras plataformas e ferramentas, e esse é o caso da Omniverse.

publicidade

A Omniverse é uma plataforma ligada à nuvem, como um tipo de kit de ferramentas colaborativo em 3D que havia sido lançado como uma versão beta aberta ao público. O software havia se tornado aberto para assinatura de negócios ano passado, oferecendo conexões seguras e em larga escala para companhias.

omniverse
Construção de um Metaverso é um dos objetivos da Nvidia com a plataforma Omniverse. Divulgação/Nvidia

Agora, a versão gratuita é limitada para cooperação entre duas pessoas, com possibilidades amplas, com diversas aplicações entraram, ou estão entrando, no software, como “Blender”, “Maya”, “Autodesk”, “Adobe” e “MetaHuman” da Epic Games.

Enquanto a Omniverse é uma plataforma de 3D para criação colaborativa, os planos da Nvidia são ainda mais ambiciosos, planejando envolver inteligência artificial, robótica, desenvolvimento de veículos autônomos, além de VR, AR e criação de games. Ao mesmo tempo, o suporte a padrões conectados da Omniverse vai ao encontro a tudo o que a AR, VR e criptografia vêm tentando alcançar.

A Nvidia ainda anunciou que sites de ativos 3D poderão ser arrastados e colocados dentro de aplicativos conectados so Omniverse, incluindo aqueles como “Sketchfab”, da Epic, e “Turbosquid”, da Shutterstock, além de uma nova ferramenta chamada “Audio2Face”, que usa inteligência artificial para gerar avatares de animação facial a partir de uma gravação de voz, e exporta para o software MetaHuman, da Epic Games.

O vice-presidente da plataforma Omniverse, Richard Kerris, entende que o Metaverso não é algo que se espera, mas que ele já existe. “O Metaverso já está aqui até certo ponto. Nós temos bastante da tecnologia básica disponível para nós”, comentou numa entrevista ao site CNET.

Leia mais!

Ele ainda explicou que mundos virtuais criados com plataformas como a Omniverse são essenciais para o treinamento de inteligência artificial da Nvidia. “No momento, uma das coisas que nós precisamos para criar essas inteligências artificiais, é uma simulação de mundos virtuais. Se você vai criar robôs que sabem como operar em nosso mundo, eles precisam ser treinados num lugar seguro, e esse treinamento deve levar horas e horas”, explicou Kerris.

Além do lançamento do serviço fora da versão beta, a Nvidia anunciou uma nova linha de chips gráficos.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

Todo mês, obtenha itens exclusivos, jogos grátis,
uma assinatura gratuita na Twitch.tv e muito mais
com sua assinatura Prime.
Clique aqui para um teste gratuito de 30 dias.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEPTAR
Aviso de cookies
Translate »