México mostrou o quão necessário é o regulamento novo

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


f1 carro 2022 Vision Art NEWS

Fórmula 1 2022

O chefe da Fórmula 1, Ross Brawn, disse que o GP da Cidade do México no fim de semana passado mostrou bem o porquê a categoria precisa dos novos regulamentos técnicos para 2022.

As condições de calor, combinadas com a natureza de grande altitude do Autódromo Hermanos Rodriguez, levaram a grandes diferenças no grid, com pouca ação roda a roda dentro dos 10 primeiros, já que os pilotos lutavam contra super aquecimento.

Sergio Perez perseguiu Lewis Hamilton, mas não foi capaz de desafiar o britânico seriamente enquanto a propagação do grid era tal que apenas quatro outros pilotos terminaram na mesma volta que o vencedor Max Verstappen.

Bottas também não conseguia ultrapassar Ricciardo, assim como Sainz não conseguia fazer isso com Leclerc. Assim que eles chegavam perto, seus carros perdiam pressão aerodinâmica deixando a dianteira solta e com isso super aquecendo pneus e freios muito rapidamente e forçando os pilotos que estavam logo atrás recuar.

“Eu sei que já disse isso antes”, disse Brawn. “Mas a corrida foi outro exemplo de porque precisamos das novas regras técnicas que virão na próxima temporada, pois mostrou como é desafiador para os carros chegarem perto o suficiente para fazer uma ultrapassagem.”

“Chegar em um ou dois segundos foi o mais perto que a maioria conseguia chegar. E é por isso que vamos mudar os regulamentos. Queremos ter carros que possam correr mais perto um do outro.”

Os carros atuais da F1 também dependem fortemente da geração de downforce, o que reduz o desempenho do carro de trás em até 50% quando está a um segundo de um carro à frente.

Os novos regulamentos técnicos que foram desenvolvidos por Brawn e pelo ex-Diretor Técnico da Renault, Pat Symonds, junto com uma equipe de engenheiros da F1, têm o objetivo de reduzir o défice de desempenho para menos de 10%.”

A nova geração de carros utilizará o assoalho e os túneis de venturi para criar uma iteração moderna de aerodinâmica de “efeito solo” para limpar o rastro de ar sujo do carro da frente.”

Falando após o GP da Inglaterra, Brawn afirmou: “Vimos muitas ocasiões em que os carros que estavam perto em desempenho terem grande dificuldade para competir entre si.”

“Somente quando há uma grande diferença de desempenho entre os carros, você pode ultrapassar com os carros atuais. Mas quando o desempenho está parelho, você não pode.”

“Temos certeza de que o novo carro permitirá mais corridas roda a roda e é isso que queremos para nossos fãs.”

f1tv pro 320 Vision Art NEWS

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.



Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »