Fim da linha? Reguladores querem barrar os táxis autônomos

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


As autoridades de São Francisco, na Califórnia, enviaram um documento a Comissão de Serviços Públicos (CPUC) do estado solicitando retardar e até interromper a expansão dos serviços de táxis autônomos (ou “robotaxis“) na cidade.

Se aprovado, o pedido afetará diretamente as operações de duas empresas, a Cruise, da GM, e a Waymo, da Alphabet. Em junho do ano passado, a Cruise foi a primeira da dupla a conseguir o “sinal verde” para oferecer corridas pagas sem motorista em certas áreas da cidade.

publicidade

Leia mais:

Os reguladores dizem que a expansão ilimitada é “irracional”, considerando os últimos incidentes envolvendo bloqueio do tráfego. O “melhor caminho” para impulsionar o sucesso do serviço é por meio de “implantações limitadas e expansões incrementais”, diz a carta.

Fila de veículos da Cruise, empresa de carros autônomos da GM, parados em um estacionamento
Imagem: Cruise/Divulgação

Vale lembrar que a Cruise enfrentou problemas curiosos. Em julho de 2022, cerca de um mês após inaugurar o serviço, uma frota de robotaxis da empresa parou de funcionar sem explicação no meio de uma rodovia no distrito de Fillmore, bloqueando o trânsito por várias horas. Outro veículo passou por uma situação ainda mais bizarra: foi parado pela polícia por trafegar com o farol apagado.

O documenta relata um caso mais grave. Um automóvel da empresa teria interferido no trabalho de uma equipe de bombeiros, quase parando por cima de uma mangueira de incêndio.

Tudo isso despertou a atenção da NTSA (“National Highway Traffic Safety Administration“). A entidade de segurança no trânsito abriu recentemente uma investigação dedicada aos veículos autônomos da Cruise.

Resposta da Cruise

A empresa, por sua vez, afirma que o serviço prestado até aqui foi seguro e o histórico de ocorrências fica disponível publicamente. Já foram dirigidos “milhões de milhas em um ambiente urbano extremamente complexo, sem ferimentos ou fatalidades com risco de vida”, disse um porta-voz da Cruise à NBC News.

Motivo da solicitação

As cartas foram motivadas pelos planos da empresa de passar a operar o seu serviço 24 horas por dia, e não apenas no período da noite. O estado chegou a aprovar a ideia (via Axios), que dependia agora justamente do aval da CPUC.

No fim, as autoridades também querem os táxis autônomos fora das rotas principais na hora do rush até que “provem que podem operar sem a interrupção das ruas e serviços de trânsito”. Vale lembrar que os táxis autônomos da Cruise também estão rodando em Austin, no Texas. 

Imagem principal: Cruise/Divulgação

Com informações do Engadget.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!



Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEPTAR
Aviso de cookies
Translate »