entenda as diferenças entre os filme

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


Lightyear

Imagem: Divulgação/Reprodução Disney

Quem não teve a oportunidade de assistir “Lightyear” nas telonas, agora pode ir ao infinito e além no próprio sofá de casa. O filme chegou nesta quarta-feira (03) exclusivamente no Disney+ brasileiro e apresenta a história de origem de Buzz, o patrulheiro espacial que inspirou a criação do boneco apresentado em “Toy Story”. 

Lightyear”, que estreou diretamente nos cinemas em junho deste ano, arrecadou tímidos US$ 222 milhões mundialmente e foi o segundo pior desempenho da Pixar na tela grande, ficando atrás apenas de “Dois Irmãos”.

O filme chega à plataforma de streaming com menos de dois meses desde o lançamento. A novidade foi compartilhada no Twitter do serviço de streaming. Se liga:

No entanto, ao contrário do que muitos pensam, Lightyear” e “Toy Story” não seguem a mesma temática. O novo filme da Disney e Pixar é o mesmo que Andy assistiu quando era criança e se apaixonou pelo lendário patrulheiro espacial. Na trama, Buzz não é um brinquedo como no longa de 1995, e sim o lendário patrulheiro espacial. 

O Buzz de “Lightyear”, que tem a voz de Chris Evans na versão americana e de Marcos Mion na dublagem brasileira, é o astronauta que deu origem ao Buzz de “Toy Story”, dublado por Guilherme Briggs. Mas como assim, eles são a mesma pessoa? Calma, que nós explicamos!

As diferenças entre “Lightyear” e “Toy Story”

Para quem não se lembra, o primeiro “Toy Story” apresentou Buzz Lightyear como o novíssimo e requisitado brinquedo do Andy, que se apaixona pelo astronauta após assistir ao filme do herói.

Na trama, o cowboy Woody é passado para trás com a chegada do patrulheiro espacial, e com ciúmes, tenta fazer com que ele caia atrás da cama.

Só que o plano dá errado e Buzz cai pela janela. É o início da aventura de Woody, que precisa resgatar Buzz também para limpar sua barra com os outros brinquedos.

Agora, 27 anos depois, a nova aventura acompanha o outro lado da história. Ao invés de um simples brinquedo, Buzz Lightyear é um patrulheiro espacial que foi abandonado no planeta hostil a 4,2 milhões de anos-luz da Terra, junto de sua tripulação sem o combustível capaz de levar a nave de volta para casa.

Enquanto Buzz tenta encontrar um caminho de volta através do espaço e tempo, um grupo de recrutas ambiciosos e o encantador gato-robô de companhia, Sox, se juntam ao herói.

Para complicar a situação, o vilão Zurg, uma presença imponente, e seu exército de robôs impiedosos chegam no planeta com um compromisso misterioso. 

Sendo assim, “Lightyear” não apresenta os brinquedos favoritos que estão presentes em “Toy Story”, como: Woody, Rex, Sling, Jesse, Bala no Alvo, Senhor Cabeça de Batata, entre outros, já que é o filme que Andy assistiu quando criança.

A nova produção é um spin-off de “Toy Story”, girando em torno da história de origem do patrulheiro espacial e apresentando novos personagens como SOX, Alisha Hawthorne, Izzy Hawthorne, Mo Morrison e Darby Steel, em uma aventura cósmica e emocionante no espaço.

O longa chegou a ser banido em pelo menos 14 países do Oriente Médio, por conta de uma cena de beijo entre duas personagens femininas.

No Rotten Tomatoes, “Lightyear” recebeu uma avaliação de 75% pela crítica especializada, ganhando o status de “tomate fresco” conforme as classificações do site.

“Lightyear” é dirigido por Angus MacLane e escrito por MacLane e Jason Headley. O elenco de dublagem no Brasil traz Marcos Mion como Buzz, Adriana Pissardini, César Marchetti, Flora Paulita, Henrique Reis, Lucinha, entre outros. Veja o trailer da animação: 



Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEPTAR
Aviso de cookies
Translate »