Eleição justa no Chile é exemplo poderoso para o mundo, diz Biden a Boric – 31/12/2021 – Mundo

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


As “eleições livres e justas” do Chile são um “exemplo poderoso para a região e o mundo”, disse o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, ao líder esquerdista Gabriel Boric, que venceu as eleições neste mês como o mais jovem presidente democraticamente eleito do país.

Biden ligou para Boric na quinta-feira (30) para parabenizá-lo pela eleição, disse a secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, e os dois líderes discutiram compromissos com justiça social, democracia, direitos humanos e crescimento inclusivo.

“O presidente aplaudiu as eleições livres e justas do Chile como um exemplo poderoso para a região e o mundo”, disse ela.

Biden destacou a importância da cooperação EUA-Chile para promover uma recuperação da pandemia ecológica e igualitária e para enfrentar a ameaça representada pelas mudanças climáticas, segundo a Casa Branca.

Em rede social, Boric comentou a conversa. “Além da alegria compartilhada por nossos respectivos triunfos eleitorais, conversamos sobre desafios comuns como comércio justo, crise climática e fortalecimento da democracia. Seguiremos conversando.”

O presidente americano também ofereceu suas condolências pela morte de uma menina chilena de 14 anos, Valentina Orellana-Peralta, assassinada a tiros em uma loja em North Hollywood, nos EUA, em 23 de dezembro, quando um policial abriu fogo contra um homem que estava atacando outro comprador. Orellana-Peralta, nascida e criada em Santiago, estava nos Estados Unidos havia seis meses com a mãe visitando uma irmã mais velha, segundo o jornal Los Angeles Times.

O diálogo amistoso entre Biden e Boric destoou da relação com o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, último dentre os principais líderes latino-americanos a felicitar o chileno.

Famoso após liderar protestos estudantis em 2011, Boric venceu a eleição contra o ultra-direitista José Antonio Kast, que tinha apoio do clã Bolsonaro. Dias após a derrota de Kast, Bolsonaro disse em transmissão a apoiadores em redes sociais que havia determinado ao Itamaraty felicitar “o tal Boric”.

O entorno do mandatário brasileiro lamentou publicamente a vitória de Boric. O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) destacou o nível de abstenção nas eleições chilenas, como fez o pai na live, e estabeleceu relação com a disputa em 2022 no Brasil. “Bater no peito dizendo que não votou em político nenhum só fará a história [no Brasil] se repetir”, afirmou Eduardo. “Se não percebermos a estratégia da esquerda, acabaremos governados por um deles.”

O ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles afirmou que “o Chile caiu”. Já a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, publicou um mapa da América do Sul com o símbolo comunista da foice e do martelo. A imagem foi compartilhada por apoiadores do presidente.

Em resposta, Boric reagiu e afirmou: “Claramente, somos muito diferentes”. “Não farei declarações destemperadas. Creio que em políticas de Estado é preciso ser um pouco mais cuidadoso”, disse o presidente eleito.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »