É preciso esvaziar a mente para meditar? Entenda mais sobre esse mito – 10/02/2022 – Viva Bem

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS



personare

Eu preciso esvaziar a mente para meditar? Essa é uma pergunta que muitas pessoas fazem. Ao praticar meditação os pensamentos vão surgir, assim como acontece ao longo do dia.

O que acontece é que temos a crença de que meditar é ficar com a “mente em branco” ou “parar de pensar”. Isso pode ocorrer por observar as pessoas meditando com uma “cara de tranquilidade e serenidade”.

Mas meditar é estar ciente sobre o que está acontecendo nos pensamentos, nos sentimentos e nas sensações do corpo. Muitas vezes pode ter uma clara conexão entre esses fenômenos e outras não.

Por exemplo, durante a meditação você lembra de uma apresentação importante que irá realizar e as tarefas que faltam para terminar. Sente uma ansiedade e apreensão. Nota os ombros tensos, o coração acelerado, um leve tremor nas mãos e a respiração ficou mais curta.

Ao estar ciente que está pensando na apresentação, você tem um momento de atenção plena —”estou pensando na apresentação novamente!”.

Nesse instante você tem uma escolha a fazer: seguir no automático, nutrindo o pensamento, ou retornar para o objeto da meditação, que pode ser a respiração, as sensações do corpo, os sons, entre outros.

Confira um áudio de meditação para ansiedade e um exercício para se concentrar nas tarefas atuais.

ACOLHA O PENSAMENTO AO INVÉS DE LUTAR CONTRA ELE

Não é necessário brigar com os pensamentos, esvaziar a mente e nem bater o “chicotinho” e se criticar com frases como “não consigo meditar”. A saída é reconhecer que o pensamento surgiu e deixar ele ir. É treinar o “músculo” da atenção plena.

Gosto da analogia com as ondas do mar que o Jonã Kabat-Zinn, professor e diretor fundador da Clínica de Redução do Estresse e do Centro de Atenção Plena em Medicina, na Escola Médica da Universidade de Massachusetts, utiliza.

As ondas vêm e vão. Em alguns momentos o mar está mais calmo e as ondas são menores, em outros está uma tempestade e tem ondas grandes. Todas vêm e vão.

No livro “Atenção Plena para Iniciantes”, de sua autoria, Kabat-Zinn ensina que “Como iniciante, é muito importante que você entenda desde o começo que a meditação consiste em fazer amizade com seu pensamento, mantê-lo delicadamente na consciência, não importa o que esteja ocupando a sua mente num dado momento. Não se trata de interromper seus pensamentos nem de mudá-los”.

Há diversos mitos a respeito da meditação. Desvende outros nesse artigo. Mas a meditação ajuda a fazer escolhas melhores e mais conscientes. Conheça dicas práticas nesse artigo.

Vamos fazer amizade com os pensamentos enquanto medita?



Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »