Dia Mundial do Coração alerta população sobre risco de doenças cardiovasculares – Saúde





Você sabia que no Brasil uma pessoa morre a cada 1,5 minuto vítima de algum problema cardiovascular? São mil e cem vidas perdidas diariamente, duas vezes mais que todas as mortes decorrentes de câncer e seis vezes mais que as provocadas por todas as infecções no país, segundo a SBC (Sociedade Brasileira de Cardiologia).


Esse problema não afeta apenas os brasileiros. No mundo, cerca de 17,5 milhões de pessoas morrem vítimas de problemas no coração segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). Para chamar atenção de todos sobre a importância de manter um estilo de vida saudável para evitar doenças cardíacas, a World Heart Federation (Federação Mundial do Coração, em português) criou em 2000 o Dia Mundial do Coração, celebrado anualmente em 29 de setembro.


Pensando em iniciativas das mais variadas que podem ajudar a reduzir esse número, foi inaugurado em 2015 pela SBC, o cardiômetro tem o objetivo de conscientizar os brasileiros acerca do problema. O sistema registra as mortes causadas por doenças cardiovasculares em tempo real.



Atenção com a alimentação!



O Ministério da Saúde afirma que mais da metade da população brasileira está com excesso de peso ou obesidade e a mudança no hábito alimentar está entre os principais motivos do aumento exponencial do sobrepeso e da obesidade na população. Alimentos ultraprocessados são os grandes violões.


Por isso, a pasta criou a Dieta Cardioprotetora Brasileira, em parceria com o HCor (Hospital do Coração), que visa orientar a população em relação ao consumo adequado dos alimentos. A separação dos alimentos é organizada por cores da bandeira do Brasil. Já os alimentos do grupo vermelho devem ser evitados. É importante consultar um especialista.


Grupo verde (consumir em maior quantidade)

● Verduras (alface, repolho, couve, brócolis, espinafre, agrião)

● Frutas (banana, abacaxi, maçã, uva, limão, manga, morango, mexerica, laranja)

● Legumes (cenoura, tomate, chuchu, maxixe, abóbora, beterraba, abobrinha, berinjela)

● Leguminosas (feijão, soja, ervilha, lentilha)

● Leite e iogurtes sem gordura (desnatados ou semidesnatados)


Grupo amarelo (consumir com moderação)

● Pães (francês, caseiro, de cará, integral)

● Cereais (arroz branco e integral, aveia, granola, linhaça)

● Macarrão

● Tubérculos cozidos (batata, mandioca, mandioquinha, inhame, cará)

● Farinhas (mandioca, tapioca, milho, rosca)

● Oleaginosas (castanha-do-Brasil/Pará, caju, nozes)

● Óleos vegetais (soja, milho, azeite)

● Mel, goiabada, doce de abóbora, cocada, geleia de frutas


Grupo azul (consumir em menor quantidade)

● Carnes (de boi, porco, frango e peixe)

● Queijos brancos e amarelos

● Ovos

● Manteiga

● Doces caseiros (pudim, bolos, tortas, mousses)

● Leite condensado

● Creme de leite


Grupo vermelho (devem ser evitados)

● Macarrão instantâneo

● Salgadinhos

● Biscoitos

● Embutidos (presunto, mortadela, salame)

● Sucos industrializados (em pó ou em caixinha)

● Refrigerantes

● Linguiça e salsicha

● Nuggets e hambúrguer congelado

● Achocolatado em pó

● Refeições congeladas industrializadas

● Molhos industrializados (ketchup e mostarda)

● Sorvete (massa ou picolé)

● Farinha láctea


Como prevenir problemas cardíacos?

● Abandone o tabagismo e pratique atividade física

● Faça trinta minutos de caminhada, pelo menos três vezes por semana

● Mantenha uma alimentação saudável, sem gorduras ou frituras, dando preferência às carnes brancas

● Insira vegetais, folhas e legumes nas refeições

● Troque a sobremesa calórica por uma fruta

● Evite o consumo excessivo de açúcar, massas, pães e alimentos industrializados

● Restrinja a ingestão de bebidas alcoólicas


Publicidade:





Referências consultadas:
Cardiômetro. Sociedade Brasileira de Cardiologia. [internet]. Acesso em: agosto, 2021
Dia Mundial do Coração. Ministério da Saúde. [internet]. Acesso em: agosto, 2021
175 milhões de pessoas morrem todos os anos com doenças cardiovasculares. Agência Brasil. Organização Mundial da Saúde [internet]. Acesso em: agosto, 2021
Dieta Cardioprotetora Brasileira. Ministério da Saúde. [internet]. Acesso em: agosto, 2021

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »
%d blogueiros gostam disto: