Dia da Obesidade: cirurgião bariátrico tira dúvidas sobre ganho de peso e relação com outras doenças | Pernambuco

amazon celulares maior Vision Art NEWS


Nesta segunda-feira (11) é celebrado o Dia Mundial da Obesidade e o Dia Nacional da Prevenção da Obesidade. A data é utilizada para discussões sobre a condição, que pode causar outras doenças. O médico cirurgião bariátrico Guilhermino Nogueira tirou dúvidas sobre a obesidade e ressaltou a questão genética relacionada ao ganho de peso (veja vídeo acima).

“Não é culpa do paciente, existe uma grande predisposição genética para se ter obesidade. E ela causa outras doenças, mais de 200 outras condições. Inclusive 13 tipos de câncer, e o câncer que está mais associado a isso é o de mama”, explicou o médico.

Nogueira também falou sobre o cálculo para saber se a pessoa está dentro do quadro de obesidade.

“É um cálculo simples, basta pegar o seu peso e dividir pela sua altura. Esse resultado é dividido pela altura novamente. Se esse número que você encontrar for acima de 30 você já tem obesidade, se for acima de 35 é um alerta super vermelho e talvez o caminho seja realmente uma cirurgia bariátrica”, afirmou. O resultado do cálculo é o Índice de Massa Corporal (IMC).

Segundo ele, não é necessário esperar que a doença esteja em um grau avançado para que seja feita a cirurgia bariátrica, procedimento que consiste na alteração do sistema digestivo para que se diminua a quantidade de comida tolerada pelo estômago.

Médico cirurgião bariátrico Guilhermino Nogueira falou sobre obesidade na manhã desta segunda-feira (11) — Foto: Reprodução/TV Globo

“Muita gente acha que a cirurgia é a última ferramenta, mas não deveria ser dessa forma. A cirurgia, quando a gente trata o paciente que tem 38, 40 de IMC, é muito mais eficiente e melhor do que aquele paciente que chegou ao IMC de 60”, afirmou o especialista.

Ele citou, ainda, a necessidade da ingestão de alimentos naturais e não industrializados, dica válida para todas as pessoas.

“Na ingestão de um pacote de biscoito, por exemplo, em aproximadamente em 15 minutos a pessoa consome 400, 500, até 600 calorias. É muita coisa”, declarou.

Por fim, o médico ressaltou a importância da mudança nos hábitos gerais para o sucesso da cirurgia. “Bariátrica não é milagre, precisa sim de uma profunda mudança de estilo de vida associada para que de certo de verdade”, disse.

VÍDEOS: Mais assistidos de PE nos últimos 7 dias

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

amazon computadores Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »
%d blogueiros gostam disto: