Dall-E, a inteligência artificial que é fábrica de memes – 17/06/2022 – Mercado

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


No OpenAI, um dos laboratórios de IA (Inteligência Artificial) mais ambiciosos do mundo, pesquisadores desenvolveram uma tecnologia que permite criar imagens digitais simplesmente descrevendo o que você deseja ver.

Eles a chamam de Dall-E em alusão tanto a “Wall-E”, o filme de animação de 2008 sobre um robô autônomo, quanto ao pintor surrealista Salvador Dalí.

Alex Nichol, um dos pesquisadores do sistema, demonstrou como ele funciona: quando ele pediu “um bule em forma de abacate”, digitando essas palavras, o sistema criou dez imagens diferentes de um bule verde-abacate, alguns com caroços e outros sem.

A ideia é que a ferramenta forneça a artistas gráficos novos atalhos e novas ideias na produção de imagens digitais.

Para muitos especialistas, entretanto, o Dall-E causa preocupação. À medida que esse tipo de tecnologia melhora, dizem eles, ela pode ajudar a espalhar desinformação na internet, alimentando o tipo de campanha online que pode ter influenciado a eleição presidencial de 2016 nos Estados Unidos.

“Você pode usá-la para coisas boas, mas certamente pode usá-la para todo tipo de aplicações loucas e preocupantes, incluindo ‘deepfakes'”, como fotos e vídeos enganosos, disse Subbarao Kambhampati, professor de ciência da computação na Universidade Estadual do Arizona.

Já existe desinformação online, mas a preocupação é que isso a leve a novos níveis, diz Oren Etzioni, CEO do Allen Institute for Artificial Intelligence, um laboratório de inteligência artificial em Seattle. “Podemos forjar texto. Podemos colocar texto na voz de alguém. E podemos forjar imagens e vídeos”, disse.

Para tentar evitar esse risco, a OpenAI não permite que pessoas de fora usem o Dall-E por conta própria e coloca uma marca d’água no canto de cada imagem que gera.

Mas há outros riscos. Como aprendem suas habilidades a partir de enormes conjuntos de textos, imagens e outros dados online que podem incluir preconceito, os sistemas de IA podem também gerar conteúdo preconceituoso, por exemplo, contra mulheres ou negros. A criação de pornografia, discursos de ódio e campanhas de trollagem também preocupam.

Entenda como funciona Dall-E, baseado em rede neural

Há cerca de cinco anos, os principais laboratórios de IA do mundo construíram sistemas capazes de identificar objetos em imagens digitais e até mesmo gerar imagens por conta própria, como flores, cachorros, carros e rostos.

Alguns anos depois, eles construíram sistemas que fazem o mesmo com linguagem escrita, resumindo artigos, respondendo a perguntas, gerando tuítes e até escrevendo postagens em blogs.

Dall-E é o que pesquisadores de IA chamam de rede neural: um sistema matemático baseado vagamente na rede de neurônios do cérebro. É a tecnologia que reconhece comandos falados em smartphones e identifica a presença de pedestres para carros autônomos.

Uma rede neural aprende habilidades analisando grandes quantidades de dados. Ao identificar padrões em milhares de fotos de abacate, por exemplo, ele aprende a reconhecer um abacate.

O Dall-E procura padrões ao analisar milhões de imagens digitais e legendas que as descrevem. Desta forma, aprende a reconhecer as ligações entre as imagens e as palavras.

Quando alguém descreve uma imagem para Dall-E, ele gera um conjunto de características, como a linha na borda de um trompete ou a curva na orelha de um ursinho de pelúcia.

Em seguida, uma segunda rede neural, chamada de modelo de difusão, cria a imagem. A versão mais recente do Dall-E, revelada em abril, gera imagens de alta resolução que, em muitos casos, parecem fotos.

Embora o Dall-E muitas vezes não consiga entender o que alguém descreveu e às vezes destrua a imagem que produz, a OpenAI continua aprimorando a tecnologia.

Os pesquisadores geralmente podem refinar as habilidades de uma rede neural alimentando-a com quantidades ainda maiores de dados.

Tradução de Luiz Roberto M. Gonçalves

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEPTAR
Aviso de cookies
Translate »