Corinthians joga pressionado diante do Santos em reencontro com Carille – 20/11/2021 – Esporte


O clássico entre Corinthians e Santos neste domingo (21) vai promover o reencontro de Fábio Carille com o alvinegro da capital, clube que o projetou como técnico no cenário do futebol brasileiro e que, devido ao sucesso com o ex-treinador, resolveu apostar em outro novato recentemente: Sylvinho.

Carille retornou ao Brasil na primeira semana de setembro, quando o Santos o anunciou para o lugar de Fernando Diniz. A missão dele era evitar o rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

Com 42 pontos a cinco rodadas do fim do Nacional, a equipe santista está próxima de alcançar sua meta e ainda passa a vislumbrar a chance de conquistar uma vaga na Libertadores, objetivo que premiaria a recuperação do time. Desde a 17ª rodada, os santistas figuraram na metade de baixo da tabela.

Nesta temporada, é possível que até o nono colocado se classifique para a competição continental. ​

O duelo na Neo Química Arena, às 16h, será o 16ª de Carille à frente do Santos. Ele está em busca da sexta vitória, sendo a primeira em clássicos —por enquanto, acumula um empate com o São Paulo, 1 a 1, e uma derrota para o Palmeiras, por 2 a 0. O confronto em Itaquera terá transmissão pela TV Globo.

Antes de assumir o clube da Baixada, o treinador passou 19 meses fora do país, trabalhando no futebol da Arábia Saudita. No Brasil, ele teve trajetória vitoriosa no Corinthians, onde conquistou o Brasileiro de 2017 e o tricampeonato paulista, entre 2017 e 2019, mas foi demitido em sua última passagem pelo clube, em novembro de 2019, bastante criticado após uma derrota por 4 a 1 para o Flamengo, no Maracanã.

O sucesso com os títulos conquistados por ele foi um dos motivos que fizeram o clube do Parque São Jorge apostar em Sylvinho. O clube acreditou que daria resultado apostar na mesma receita, de colocar no comando da equipe alguém que já havia sido auxiliar do time e que conhecia a casa.

Sylvinho acumulou parte de sua experiência trabalhando na comissão técnica de Tite, em 2013. Em 2016, ele voltaria a trabalhar com o atual técnico da seleção brasileira novamente como auxiliar, atuando junto à equipe nacional na Copa do Mundo de 2018.

Essa bagagem, porém, não tem sido suficiente para livrá-lo das críticas. Apesar de o Corinthians brigar por uma vaga entre os quatro primeiros colocados, com grandes chances de conquistar uma vaga na fase de grupos da próxima Libertadores, o trabalho de Sylvinho é bastante criticado pelos torcedores.

Muitos corintianos questionam o futebol apresentado pela equipe, sobretudo em jogos contra adversários que estão na parte de cima da tabela, como foi na última rodada, quando perdeu para o Flamengo, por 1 a 0.

Além disso, o técnico contratado em maio exibe aproveitamento pior do que o do seu antecessor, Vagner Mancini, que também teve passagem questionável pelo clube. Com o ex-treinador, o rendimento era de 54% —foram 45 jogos: 20 vitórias, 13 empates e 12 derrotas. O atual comandante tem aproveitamento de 48%: 13 vitórias, 12 empates e 10 derrotas.

Mais do que a posição na tabela, o clássico deste domingo significa uma oportunidade de afirmação tanto para Fábio Carille quanto para Sylvinho.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original



Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »