Conhea a nova estao espacial privada


Espao

Redação do Site Inovação Tecnológica – 26/10/2021

Coral Orbital: Conhe

A estao contar com mdulos rgidos e inflveis, com novos deles sendo conectados medida que a demanda crescer.
[Imagem: Coral Reef/Divulgao]

Endereo no espao

As empresas Blue Origin e Sierra Space anunciaram os planos para a construo de uma estao espacial privada, batizada de Coral Orbital (Orbital Reef).

A Blue Origin vem fazendo sucesso com seus primeiros voos de turismo espacial e ainda tenta um contrato com a NASA para fabricar mdulos de pouso na Lua, enquanto a Sierra Space fabrica o avio espacial reutilizvel Dream Chaser, que ser crucial para a movimentao dos astronautas do solo para o espao e de volta.

Mas o time inteiro bem maior, contando com 15 universidades norte-americanas e outras grandes empresas do setor aeroespacial, que dividiro a construo da estao e o provimento de servios para mant-la funcionando.

“Projetada para abrir vrios novos mercados no espao, a Coral Orbital fornecer a qualquer um a oportunidade de estabelecer seu prprio endereo em rbita. Este destino nico oferecer aos clientes de pesquisa, industriais, internacionais e comerciais os servios de ponta a ponta a preos competitivos que eles precisam, incluindo transporte espacial e logstica, habitao espacial, acomodao de equipamentos e operaes, incluindo tripulao a bordo,” disse a nota conjunta das empresas.

O cronograma prev que a estao comear a operar na segunda metade desta dcada.

Coral Orbital: Conhe

A proposta que a estao tenha espaos “centrados no ser humano”, j que ela tambm funcionar como hotel para turistas espaciais.
[Imagem: Coral Reef/Divulgao]

Cincia, indstria e turismo

Enquanto a Estao Espacial Internacional impressiona pela baguna, com equipamentos amontoados ou flutuando livres nos laboratrios, a ideia que a Coral Espacial tenha um “espao centrado no ser humano, com servios e amenidades de classe mundial que so inspiradores, prticos e seguros”.

A estrutura inteira ser modular, facilitando a agregao de novos laboratrios conforme a demanda cresa. “Os beros para mdulos, portas de atracamento para veculos, laboratrios e amenidades, todos aumentaro conforme o mercado crescer,” diz a nota.

Alm dos laboratrios, usados por instituies acadmicas e empresas, haver tambm lugar para turistas espaciais e quem mais consiga pagar a passagem e a hospedagem.

“A Coral Orbital oferecer interfaces padro em todos os nveis – armrio, rack e mdulo. Agncias espaciais experientes, consrcios de alta tecnologia, naes soberanas sem programas espaciais, empresas de mdia e de viagens, empreendedores financiados, inventores patrocinados e investidores com viso de futuro, todos tero um lugar no Recife Orbital,” afirma o anncio.

Coral Orbital: Conhe

Ambientes internos da estao.
[Imagem: Coral Reef/Divulgao]

Parceiros da estao espacial

A equipe responsvel pela construo e operao da estao espacial privada liderada pelas duas empresas “estreantes” no espao, mas congrega tambm a capacidade comprovada de parceiros que participam da construo e operao da Estao Espacial Internacional.

Veja abaixo o que ficar a cargo de cada um dos parceiros:

  • Blue Origin – sistemas utilitrios, mdulos centrais de grande dimetro e novo sistema de lanamento peso-pesado e reutilizvel New Glenn.
  • Sierra Space – Mdulo LIFE (sigla em ingls para Grande Ambiente Flexvel Integrado), mdulo de conexo e avio espacial Dream Chaser, de pouso em pista, para transporte de tripulao e carga, capaz de pousar em pistas de todo o mundo.
  • Boeing – Mdulo de cincia, operaes da estao, engenharia de manuteno e a nave espacial CST-100 Starliner.
  • Redwire Space – Pesquisa em microgravidade, desenvolvimento e manufatura; operaes de carga til e estruturas inflveis.
  • Genesis Engineering Solutions – Nave espacial de uma pessoa para operaes de rotina e excurses tursticas.
  • Universidade do Estado do Arizona – Lidera um consrcio global de universidades que fornecero servios de consultoria em pesquisa e contato com o pblico.
Coral Orbital: Conhe

As roupas espaciais sero substitudas por uma nave espacial individual, tanto para manuteno, quanto para turismo.
[Imagem: Coral Reef/Divulgao]

Discursos

“Por mais de sessenta anos, a NASA e outras agncias espaciais desenvolveram voos espaciais orbitais e habitaes espaciais, preparando-nos para o incio dos negcios comerciais nesta dcada,” disse Brent Sherwood, da Blue Origin. “Vamos expandir o acesso, baixar os custos e fornecer todos os servios e amenidades necessrios para tornar comum o voo espacial. Um ecossistema vibrante de negcios crescer na rbita baixa da Terra, gerando novas descobertas, novos produtos, novos entretenimentos e conscincia global.”

“A Sierra Space est entusiasmada com a parceria com a Blue Origin e em fornecer o avio espacial Dream Chaser, o mdulo LIFE e tecnologias espaciais adicionais para abrir espao para pesquisa, comercial, manufatura e turismo. Como ex-astronauta da NASA, estive esperando pelo momento em que trabalhar e viver no espao fosse acessvel a mais pessoas em todo o mundo, e esse momento chegou,” disse Janet Kavandi, que j foi ao espao trs vezes como astronauta da NASA e agora presidente da Sierra Space.

“Isso empolgante para ns porque este projeto no duplica a imensamente bem-sucedida e duradoura ISS, mas d um passo adiante para preencher uma posio nica na rbita terrestre baixa, onde ela poder servir a uma gama diversificada de empresas e hospedar equipes no especializadas,” disse John Mulholland, da Boeing. “Ela exige o mesmo tipo de experincia que usamos para inicialmente projetar e construir a Estao Espacial Internacional e as mesmas habilidades que empregamos todos os dias para operar, manter e sustentar a ISS.”


Seguir Site Inovação Tecnológica no Google Notícias

Outras notcias sobre:

Mais tópicos

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original



Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »