Amigos aproveitam parceria para ir juntos tirar título eleitoral em Porto Alegre: ‘todo mundo tem que se conscientizar’ | Rio Grande do Sul

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS


“Acho que todos devemos votar porque é o voto que decreta o futuro do Brasil. Somos nós que colocamos os políticos no poder. Na verdade, somos nós que comandamos o país”, conta Roger.

Roger e Antônio optaram pelo atendimento presencial, mas o procedimento pode ser feito pela internet. Em Porto Alegre, a Justiça Eleitoral prestou 6.032 atendimentos online – para primeiro título, regularização e outras questões – só na terça-feira (3).

“A gente acabou se deixando levar, fizemos isso no último dia e com 18 anos. Mas até menores de idade podem votar. O número de votantes tem caído com o tempo e isso é ruim. Acho que todo mundo tem que se conscientizar e tirar o título” diz Antônio.

Amigos foram juntos tirar o título eleitoral em Porto Alegre — Foto: RBS TV/Divulgação

Mesmo com a facilidade de contar com os serviços na internet, outras tantas pessoas também decidiram como a dupla de amigos e foram até o cartório, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Na terça, foram feitos 1.153 atendimentos. Apesar da demanda, a Justiça Eleitoral divulgou que se preparou para isso e que o tempo de espera na fila é de cinco minutos em média.

Quem não quer esperar na fila pode agendar uma faixa de horário, de 30 em 30 minutos, para ser atendido.

Outra pessoa que aproveitou o último dia para tirar o título foi Tiago Santos Rodrigues, de 19 anos. Ele conta que não fez isso em outros anos porque não havia obrigatoriedade e, por isso, não achava necessário. No entanto, assistiu a aulas na escola que o convenceram do contrário.

“Não tirei o título antes porque não tive interesse. Mas, depois, conhecendo mais, ouvindo os professores no colégio, vi que era importante. Porque é assim que a gente escolhe quem vai mandar no país. Hoje, estou motivado para votar”, afirma Rodrigues.

O primeiro turno da votação está marcado para 2 de outubro. Já o segundo turno, nos estados e nacionalmente, caso seja necessário, ocorrerão em 30 de outubro, último domingo do mês.

Tiago Santos Rodrigues, de 19 anos, também aproveitou o último dia para tirar o título — Foto: RBS TV/Divulgação

A Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97 – artigo 91) determina o fechamento do Cadastro Eleitoral 150 dias antes de cada pleito. Neste período, as pessoas podem resolver pendências como transferência de domicílio eleitoral ou outras decorrentes de ausência ou justificativa nas três últimas eleições.

Para regularizar a situação do título de eleitor ou a retirada da primeira via do documento devem ser solicitadas pelo sistema Título Net, no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Será preciso anexar documento oficial com foto, comprovante de residência, comprovante de pagamento de débito com a Justiça Eleitoral e comprovante de quitação do serviço militar.

Fonte: Acesse Aqui o Link da Matéria Original

1548234083 file be0b03d8 Vision Art NEWS

Deixe um comentário

Este site usa cookies para que você tenha a melhor experiência do usuário. Se continuar a navegar, dará o seu consentimento para a aceitação dos referidos cookies e da nossa política de cookies , clique no link para obter mais informações. CONFIRA AQUI

ACEITAR
Aviso de cookies
Translate »